AGORA: Delação de Elcio Queiroz confirma sua participação na morte de Marielle, afirma Flávio Dino

Ministro afirma que operação de hoje, com prisão de Maxwell Simões Corrêa, foi embasada em delação
Reprodução: Internet

Hoje, o Ministro da Justiça, Flávio Dino, anunciou que o ex-policial militar Elcio Queiroz firmou um acordo de delação premiada com a Polícia Federal. Segundo o acordo, Queiroz admitiu sua participação na execução da ex-vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco, e do motorista Anderson Gomes.

Nesta segunda-feira (24.jul.2023), a Polícia Federal prendeu o ex-bombeiro Maxwell Simões Corrêa, suspeito de envolvimento nos assassinatos de Marielle Franco (Psol-RJ) e Anderson Gomes. A operação também incluiu o cumprimento de sete mandados de busca e apreensão no Rio de Janeiro, no contexto da Operação Élpis.

Em 2021, Maxwell Corrêa havia sido condenado a quatro anos de prisão por obstruir as investigações sobre o crime, mas cumpriu a pena em regime aberto. Ele foi preso em junho de 2020 por ser o proprietário do veículo utilizado para esconder as armas usadas no crime.

Pelo Twitter, o Ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, afirmou que a Justiça está avançando na apuração dos homicídios, ocorridos em março de 2018.

Reprodução: Twitter

Marielle Franco e Anderson Gomes foram assassinados em 14 de março de 2018, no bairro do Estácio, Rio de Janeiro. O veículo em que estavam foi alvejado por 13 disparos. A vereadora foi seguida desde a Lapa, no centro do Rio, onde participava de um encontro político. A arma utilizada no crime foi uma submetralhadora HK MP5 de fabricação alemã. Mesmo após cinco anos, o mandante do crime ainda não foi identificado.

As investigações resultaram na prisão de dois executores: o policial militar reformado Ronnie Lessa, responsável pelos disparos, e o motorista e ex-policial militar Élcio de Queiroz, que conduzia o veículo que perseguiu as vítimas. No entanto, os motivos por trás da execução continuam desconhecidos.

Compartilhe
Comente

Mais do Em PG é Assim

Polícia Civil prende avô que abusou da neta de 10 anos de idade em Ponta Grossa
Caso aconteceu entre 2012 e 2013 quando a vítima tinha apenas 10 anos de idade; a prisão aconteceu no bairro Boa Vista
Ônibus da Vacina – Confira os locais de Atendimento, 12/04
Torta de sardinha – Receita fácil
Aprenda a fazer uma torta de sardinha de maneira rápida e saborosa.

Categorias

Pontagrossauros 😂

Ria com os melhores memes de Ponta Grossa e região.

Dê uma volta ao passado com fotos de lugares marcantes em PG.

Confira a agenda de eventos de Ponta Grossa.