A relação perigosa entre celulares e a saúde mental dos adolescentes

O uso excessivo de celular pode desenvolver sentimentos como isolamento social e dificuldades na interação social.
De acordo com a psicologa, o uso excessivo do celular pelos adolescentes pode ter consequências negativas na saúde mental, na vida social e no desempenho acadêmico dos jovens.

O uso excessivo do celular pelos adolescentes tem se tornado uma preocupação cada vez maior para pais, educadores e profissionais da área da saúde. Com a popularização dos smartphones, é comum ver jovens passando horas seguidas em frente às telas, muitas vezes em detrimento de atividades importantes como estudos, socialização e exercícios físicos.

Um dos principais problemas associados ao uso excessivo do celular pelos adolescentes é o impacto negativo na saúde mental. Estudos apontam que o uso prolongado de dispositivos eletrônicos pode levar a problemas como ansiedade, depressão e isolamento social. Além disso, o uso do celular antes de dormir pode interferir na qualidade do sono, afetando o desempenho escolar e a saúde em geral.

Outra preocupação é com relação ao impacto na vida social dos jovens. O uso excessivo do celular pode levar à falta de interação cara a cara, prejudicando o desenvolvimento de habilidades sociais importantes. Além disso, o uso do celular durante as refeições ou em momentos de convivência com a família pode interferir na comunicação e no fortalecimento dos laços familiares.

No âmbito escolar, o uso excessivo do celular pelos adolescentes também pode ter consequências negativas. O tempo gasto em redes sociais, jogos e outras distrações virtuais pode prejudicar o desempenho acadêmico, afetando as notas e o desenvolvimento intelectual. Além disso, o uso do celular em sala de aula pode ser uma fonte de distração para os alunos e prejudicar o aprendizado.

Diante desses problemas, é importante que os pais, educadores e profissionais da saúde trabalhem juntos para orientar os adolescentes sobre o uso responsável do celular. Algumas medidas que podem ser adotadas incluem estabelecer horários limitados para o uso do celular, incentivar a prática de atividades físicas e hobbies que não envolvam o uso de dispositivos eletrônicos, e dialogar com os adolescentes sobre os riscos associados ao uso excessivo do celular.

Em suma, o uso excessivo do celular pelos adolescentes pode ter consequências negativas na saúde mental, na vida social e no desempenho acadêmico dos jovens. É importante que pais, educadores e profissionais da saúde trabalhem juntos para orientar os adolescentes sobre o uso responsável do celular, incentivando a prática de atividades que promovam o desenvolvimento integral dos jovens.

O uso excessivo de celular pode desenvolver sentimentos como isolamento social e dificuldades na interação social, bem como ansiedade, insônia, afetando diretamente na qualidade de vida da pessoa – Camila Eidam de Lima – Psicologa mestra e especialista em saúde mental.

Compartilhe
Comente

Mais do Em PG é Assim

Em busca de emprego? Não perca as vagas em Ponta Grossa em 17/06!
As vagas de emprego disponíveis nesta segunda (17), segundo Sine Ponta Grossa
Ônibus da Vacina – Confira os locais de Atendimento, 12/04
Torta de sardinha – Receita fácil
Aprenda a fazer uma torta de sardinha de maneira rápida e saborosa.

Categorias

Pontagrossauros 😂

Ria com os melhores memes de Ponta Grossa e região.

Dê uma volta ao passado com fotos de lugares marcantes em PG.

Confira a agenda de eventos de Ponta Grossa.